Saiba como jovens de 15 a 29 anos podem viajar de graça e ter descontos em eventos culturais e esportivos no Brasil todo com o ID Jovem.

A Identidade Jovem, também conhecida como ID Jovem, é um programa do governo federal para jovens entre 15 a 29 anos (estudantes ou não) que dá direito a vagas gratuitas ou com desconto no sistema de transporte coletivo interestadual, e em eventos artístico-culturais e esportivos. A meta do governo é atingir 1 milhão de usuários da ID Jovem no país todo até o fim de 2017.

Para utilizar os benefícios do programa, além de estar dentro da faixa etária, é necessário atender aos pré-requisitos: ter renda familiar mensal de no máximo dois salários mínimos; estar inscrito no Cadastro Único do Governo Federal, com informações atualizadas há pelo menos 24 meses; ter o Número de Identificação Social (NIS), que pode ser consultado através do Cartão Cidadão, do extrato do FGTS, da Carteira de Trabalho, do aplicativo ou site da ID Jovem).

O jovem que atende os pré-requisitos e quer se tornar um usuário deve realizar o cadastro pela Internet ou diretamente no aplicativo. Pela internet basta clicar aqui e acessar o site, preencher os dados solicitados e gerar o cartão. No APP ID Jovem, é só preencher o seu NIS, os dados cadastrais solicitados e gerar um cartão virtual, que pode ser utilizado mostrando a imagem na tela do celular, junto com um documento oficial com foto. Caso o viajante não possua o cartão virtual, ele deve imprimir o mesmo pela página da internet e apresentar no momento da compra.

O usuário deve ter atenção aos seguintes pontos:

  • A ID Jovem tem validade de 180 dias. Após esse período é necessário revalidar o documento em nova consulta no App ou no site.
  • Vale para ônibus, trem e embarcação interestaduais, ou seja, entre estados diferentes. Não vale para deslocamentos entre municípios ou dentro do município.
  • A reserva de assentos para os jovens é válida até 3 horas antes da partida do transporte. Portanto, a passagem deve ser solicitada com antecedência de, no mínimo, 3 horas em relação ao horário de partida.
  • A isenção ou o desconto valem apenas para o valor da passagem — as taxas de embarque, pedágios ou outras despesas são cobrados a parte.
  • A compra deve ser realizada diretamente no guichê, a ID Jovem não assegura o benefício nas compras através da Internet.
  • Caso algum estabelecimento se negue a aceitar o ID Jovem, o usuário poderá fazer uma denúncia no Procon, conforme orienta o governo federal.

Para ter desconto em eventos artístico-culturais e esportivos, basta apresentar o ID Jovem no momento da compra dos ingressos e na hora da entrada, juntamente com o documento oficial com foto. Neste ano, grandes eventos como o Rock in Rio e o Lollapalooza já aceitaram os descontos para os usuários da ID Jovem.

A ID Jovem é uma grande oportunidade para os brasileiros. Compartilhe esse artigo com seus amigos e família para que mais jovens possam se beneficiar com o programa.